Hidromel

Como cuidar do seu Barril

10308026-image-of-the-old-oak-barrels-on-a-white-backgroundOlá a todos! Voltando a pesquisar algumas técnicas mais avançadas de produção de bebidas, não tem como não passar várias vezes pela utilização de madeira para o envelhecimento. E esse é um tema que nos oferece muitas, mas muitas possibilidades. Seja com o uso dos barris ou dornas para envelhecimento prolongado, tinas para fermentação ou ainda chips, lascas, ripas, espirais, cubos e toda uma variedade de formatos de pedaços de madeira colocados no tanque onde a bebida está fermentando ou maturando.

Continue lendo “Como cuidar do seu Barril”

Hidromel

Porque usar carvalho no meu hidromel?

Bem vindos meus amigos de fermentação.

Carvalho

Acredito firmemente que não existe árvore mais associada à produção de bebidas em toda a história da humanidade do que o bom e velho Carvalho! Ele é presença marcante no mundo dos vinhos, whiskies, cognacs, etc .

O Carvalho ajuda a evolução da bebida de inúmeras maneiras diferentes, empresta uma quantidade enorme de aromas e sabores, causa uma efeito de micro oxigenação caso a bebida esteja armazenada em um barril feito com esta madeira e faz com que a estrutura da bebida em questão dê um grande salto.

Eu posso usar o carvalho no meu hidromel para agregar muitas camadas de complexidade pois o carvalho chega a ter mais de 70 substâncias voláteis, aromas e compostos que ele “empresta” para nossa bebida, e que são na maioria das vezes descritos resumidamente como baunilha, amanteigado, amadeirado, “spicy”, dentre outros. Mas se observarmos mais a fundo .podemos chegar a muito mais:

Continue lendo “Porque usar carvalho no meu hidromel?”

Hidromel

Armazenamento e envelhecimento do Hidromel

Bem vindos caros apreciadores de hidromel!

         Temos falado a meses sobre como produzir hidromel, mas uma coisa, que eu sempre (sempre mesmo!) digo aqui, é que o principal ingrediente do hidromel é a paciência. Pois bem, isso aplica-se não apenas para a produção mas também depois dela.

     Existem uma séria de escolhas que podem ser feitas após a última trasfega e que podem afetar muito e envelhecimento e a qualidade do hidromel. Tais como: devo engarrafar logo após a última trásfega? Usar envelhecimento em madeira? Se sim, qual madeira? Usar barril ou chips de madeira? Quanto tempo deixar envelhecer? Qual a melhor hora para abrir minha garrafa?

     Quer saber mais?  Vamos lá!

Continue lendo “Armazenamento e envelhecimento do Hidromel”