Pyment – Usando uvas no hidromel!

Gewurztraminer – muito aromática!

Quer adicionar toda uma nova dimensão com camadas e mais camadas de possibilidades para o seu hidromel? Então talvez você devesse tentar produzir um Pyment, que nada mais é do que um hidromel no qual foram usadas uvas ou suco de uvas na produção. É improvável que existam registram da primeira vez que mel e uvas foram misturados para fermentar, mas é certo que a mistura é muito, muito antiga! Uma coisa é certa, existem uma variedade tão grande de uvas que podem ser usadas para a produção de hidroméis que as possibilidades de criar são ilimitadas!

Com a adição de uvas você ainda ganha a capacidade de produzir seus blends de maneira extremamente personalizável, pois existem uvas com mais acidez, outras com mais aroma, mais cor (extraída das cascas), mais sabor, melhor envelhecimento… Ou seja você pode ao seu bel sabor, escolher como compor aquele blend que vai dar a sua cara para o hidromel Pyment que pretende fazer!

Como toda fruta você vai preferir sempre usar as frutas o mais frescas possível, ou então no caso do produtor brasileiro e possível encontrar concentrados de uva, ou mesmo suco de uva natural in natura ou congelado. Claro que já sabemos as vantagens da fruta fresca, como melhores aromas, mais intensidade e outras coisitas mas, e sempre temos que tomar cuidado ao usarmos concentrados ou sucos de uva para que os mesmos não contenham conservantes que possam inibir a atividade das leveduras.

Usar uvas frescas ainda tem uma complicação a mais: você vai precisar prensar as uvas para extrair o suco das mesmas e isso, dependendo da quantidade, pode exigir equipamentos próprios. Se as quantidades não forem muito grandes ou você quiser agir como um tradicionalista pode esmagar as uvas à maneira antiga: em uma tina de madeira e esmagando com os pés! Ao esmagar uvas temos que tomar muito cuidado para não rompermos as sementes, pois as mesmas liberam um sabor amargo que pode arruinar o seu pyment!

Usar a uva na primária ou na secundária vai com certeza fazer diferença e você deve fazer suas próprias experimentações para determinar qual o momento de colocar a uva que mais lhe agrada. Outra coisa importante são as cascas da uvas, elas agregam aroma e sabor, bem como, no caso das tintas, adicionam acidez e taninos (adstringência), monitorar e escolher o momento correto de retirar as cascas do mosto é essencial! Lavar as uvas para retirar as leveduras selvagens das cascas das uvas também é uma prática recomendável.

Se você procurar em vinículas algumas podem até vender o suco de boas uvas. Vale a pena das uma pesquisada!

Variedades

Como eu disse para vocês existe uma grande variedade de uvas que podemos usar para a produção de Pyment. Mas primeiro vamos falar um pouco sobre uvas viníferas para que vocês compreendam melhor essa fruta.

Existem mais de 20000 variedades de uvas no mundo, destas cerca de 200 são usadas ativamente para a produção de vinhos e estas se prestam perfeitamente para a produção de nosso hidromel pyment. Dentre estas 200 existe uma ramificação de famílias:

Vitis Vinífera: É o ramo europeu da família e inclui as melhores uvas para a produção de vinho/pyment que se pode encontrar. Elas são normalmente menores que as uvas comerciais, tem a casca mais dura, um suco com maior acidez, mais açúcar e não se prestam para comer. Exemplos destas uvas: Cabernet Sauvignon, Merlot, Syrah, Cabernet Franc, Malbec, Pinot Noir, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Gwurztraminer entre outras.

Vitis Americanas: Como o nome disse é o ramo americano, são uvas que render mais quantidade do que qualidade, mas mesmo assim podem produzir hidroméis muito interessantes, e são extremamente mais fáceis de serem encontradas para uso no hidromel do que as vítis viníferas. Exemplos: Concordia, Isabel, Niágara, etc.

Nos próximos posts eu vou trazer para vocês um resumo sobre as principais uvas e se são ou não encontradas no Brasil. Até lá vão pensando mais sobre esse assunto que é muito extenso e cheio de grandes possibilidades!

Um abraço e boas fermentações!!!

Luis Felipe de Moraes – Pompeia Hidromeis

 



Categorias:Hidromel

Tags:, , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: