Arrolhadores

Olá pessoal!

Garrafa Arrolhada

Certo tempo atrás eu falei para vocês sobre rolhas e com lacrar seus hidromeis (clique aqui para ver o artigo) mas não havia falado ainda sobre os arrolhadores que nos auxiliam a inserir as rolhas nas garrafas e existem alguns modelos variados que se encontram no mercado a disposição do produtor caseiro.

Qualquer um que já tenha passado pela experiência de ter que arrolhar mais de uma dúzia de garrafas sabe a dificuldade que isso representa e quanto é cansativo e o quanto de esforço é requerido para cumprir a tarefa.

Vamos aproveitar então e dar uma olhada nos modelos mais facilmente encontrados no mercado brasileiro. Destes existem desde modelos bem simples e baratos até modelos bem práticos e com pouco necessidade de esforço por parte do operador. Claro que o preço varia enormemente entre eles e quanto mais prática a coisa toda fica mais caro será o nosso amigo aparelho.

Arrolhador Manual de Madeira

O modelo mais simples e barato de todos. Para quem não tem necessidade de arrolhar quantidades muito grandes e a rolha está no tamanho correto para a garrafa usada esse arrolhador é perfeito. Exige bastante força do operador. Ele é normalmente feito de carvalho e é tem um funil feito de metal na parte de interna que comprime a rolha antes de chegar no gargalo da garrafa para que a mesma esteja em um diâmetro menor que o gargalo no momento da inserção. O operador deve ser rápido e inserir a rolha em um único movimento.

Arrolhador Italiano Manual de Alavancas (Bi uso)

Este já exige mesmo força do operador e normalmente vem com um adaptador para ser usado também com rolhas de espumantes, inclusive rolhas plásticas para espumantes. Conta com a possibilidade de regular a profundidade de inserção da rolha. Tem o corpo produzido em metal e plástico ABS. Tem uma pinça de se prende ao gargalo da garrafa dando firmeza e precisão na inserção da rolha. Duas alavancas de longo curso também ajudam e muito a facilitar o processo, posto que exigem muito menos força por parte do operador. Também tem dentro do corpo um funil para comprimir a rolha antes que a mesma chegue ao gargalo.

Arrolhador Italiano Manual “Gilda”

Arrolhado para uso exclusivo para rolhas cilíndricas padrão. Possui um “alicate” que prende o aparelho ao gargalo da garrafa e uma alavanca que insere a rolha. Tem o corpo produzido em metal e plástico ABS. Exige força mediana do operador. Conta com a possibilidade de regular a profundidade de inserção da rolha.

Arrolhador Italiano Manual (de piso)

Este já é o arrolhador ideal para quem tem garrafas de tamanhos diferentes, grande quantidade e quer fazer pouco esforço ou ainda tem que arrolhar grandes quantidades de garrafas. Ele tem regulagem de atura para as garrafas, e o sistema de prensagem da rolha é feito por castanhas. Uma alavanca de longo curso ajuda a deixar todo o processo fácil e com alto rendimento. Conta com a possibilidade de regular a profundidade de inserção da rolha. Tem trava para que a garrafa não caia durante o processo. Claro que é o mais caro de todos os arrolhadores aqui mostrados. Mas vale o investimento para quem tem muito trabalho com isso.

Bem pessoal estes são os modelos para usuários caseiros mas que quebram um galhão. Boas fermentações a todos!

Luis Felipe de Moraes – Pompeia Hidromeis

Artigos relacionados:

– As Rolhas, ou Maneiras de Lacrar seu Hidromel
– Escolhendo a Rolha Certa



Categorias:Hidromel

Tags:, , , , , , ,

9 respostas

  1. Muito bom!!!!!!

    Curtir

  2. Qual é melhor e mais fácil de usar, o de 2 alavancas, ou o tipo “gilda”? Parece que o de alavancas precisa de menos força, justamente pelo tamanho das alavancas. Ele é mais barato também.
    Tem algum contra? Deve ter, porque se fosse melhor e mais barato, não existiria o outro!

    Curtir

  3. Olá Luís! Como sempre aprendo muito no seu blog, parabéns cara, em breve nos conhecermos no curso em SP.
    Uma pergunta, acabei comprando num site rolhas sintéticas, como arrolhar? Manualmente vi que não rola, e nos anúncios de arrolhadores quase todos diziam que não funciona para sintéticas… Alguma ideia?

    Curtir

  4. Vi no site da WE que o arrolhador de alavanca o maior ali não deve ser usado com rolhas sintéticas pois deixa uma marca que pode ocasionar vazamentos. É verdade isso?

    Curtir

Trackbacks

  1. As Rolhas ou Maneiras de lacrar seu hidromel | Pompeia Hidroméis
  2. Como escolher a rolha certa! | Pompeia Hidroméis

Deixe um comentário!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: