Problemas na fermentação – Perdi meu hidromel?

Boas pessoal! Bem vindos ao Pompeia Hidromeis!

Melomel de Abacaxi com Coco

Melomel de Abacaxi com Coco

Como postei ontem coloquei mais uma série de hidromeis “oficiais” da Pompeia Hidromeis para fermentar e revendo todas etapas de produção me veio a cabeça a questão dos problemas na fermentação e o que fazer com eles. Existem inúmeros problemas, ou coisas que parecem problemas, e que podem apenas assustar, afetar ou mesmo te dar de presente uma quantidade enorme de vinagre de hidromel. O importante quando você notar algum problema (e aí está a importância do monitoramento constante sobre o seu pet fermentativo) é tomar imediatamente a providência cabível. Claro, se houver uma. Mas o quanto antes você tentar recuperar melhor.

Alguns dos problemas mais comuns são:

Problema:  A fermentação nunca começa

Sintoma: Você fez tudo como manda o figurino, mas o fermento colocado parece estar com uma extrema preguiça de viver. Nenhuma atividade pode ser notada, sem bolhas no airlocker e a gravidade do mosto não diminui.

O que fazer: Uma coisa, é perfeitamente normal  a fermentação levar até cerca de 72 horas para começar, acima disso provavelmente ela não vai começar. Primeiro veja se a gravidade inicial não está muito alta para o fermento usado pois alguns tem dificuldades em fermentar mostos com gravidade alta e a maioria sofre com mostos acima de 1.150, se for o caso e o mosto estiver a temperatura ambiente você pode tentar colocar mais água no mosto para diminuir a gravidade. Outra solução aqui seria colocar outro fermento que você saiba ser mais tolerante altos níveis de açúcar.

Agora, o pior: Se você não conseguir remover corretamente os sanitizantes do seu equipamento, ou usou água com muito cloro, usou alguma fruta que continha agrotóxicos nas cascas que não foram bem lavadas ou ainda usou sucos de frutas com conservantes, pode ter ocorrido que estes elementos mataram as leveduras e neste caso meu amigo… você tem uma leva perdida, pois colocar outra cultura de leveduras apenas irá matá-las também.

Outro item que pode bloquear o início da fermentação é o pH do mosto estar muito baixo (< 2,5). Nesse caso aconselho adicionar um pouco de Carbonato de Cálcio para elevar o pH novamente e permitir as levedurinhas iniciarem o seu trabalho.

E um último item que pode ser a fonte dos problemas: população de leveduras colocada em quantidade muito errada. Hidromeleiros no Brasil ainda tem tendência achar que um sachet de levedura fermenta 20 litros de hidromel quando o correto é “até” 20 litros de hidromel. A população tem que ser colocada no número de células mais próxima do possível do ideal para que a levedura não fique perdendo uma enormidade de tempo tendo que se multiplicar (e perdendo energia com isso) e nem que tenha excesso de população e competição por nutrientes. Use a calculadora do software que temos aqui no site para celulares Android (veja aqui), é gratuita e faz bem.

 

Problemas: O mosto cheira a ovos podres (Sulfidricos)

Sintomas: O mosto cheira a ovos podres (Sulfidricos)

O que fazer: Bem, isso pode ser até normal. Apesar do odor não muito agradável que fica na sua casa. Normalmente desaparece nos primeiros dias de fermentação. Isso normalmente é causada pela falta de lipídeos disponíveis no mosto. Minha sugestão para você é: Se a fermentação estiver nos primeiros dias dê uma aerada no mosto e coloque um pouquinho de leveduras mortas – pode pegar levedura de pão (uma colher de sopa) e ferver para matá-las, depois adicione ao mosto. Isso deve acelerar a saída destes odores do mosto em um ou dois dias, se não sair repita. Se está acabando a fermentação e os odores de sulfidricos persistem, coloque Metabissulfito de Potássio 0,01 grama or litro (cuidado, em quantidade é tóxico, senão souber usar, nem tente!). Fora do Brasil este problema é conhecido como “Rhino Fart”. Se não cuidar desse problema ele se transforma em outro, sem cura, a chamada mercaptana. Aí já era.

 

Hidromel clarificado.

Problema: Hidromel com aspecto de sujo

Sintomas: Cheiro de fermento, cor opaca.

O que fazer: Deixa de preguiça e faça as decantações corretamente. Trasfegue usando sifonamento ou gravidade. Tenha paciência ou pelo menos use um clarificante.

 

Problema: Ácido Acético- avinagrado

Sintomas: Aroma de Vinagre

O que fazer: Gosta de vinagre? Que bom…  Para a próxima leva eu aconselho a evitar o máximo o contato com o ar para não oxidar o mosto e mantenha limpeza para esse ar mais bactérias acéticas transformem o seu álcool em vinagre. Tente manter o PH abaixo de 3,2 e o alcool a pelo menos 12-14% ajudam a previnir sua nova produção de vinagre, digo, hidromel.

 

Problema: Fermentação muito lenta.

Sintomas: A fermentação demora muito e nunca fica intensa, a gravidade está baixando muito lentamente.

O que fazer: Bom isso normalmente acontece por falta de nutrientes, temperatura de fermentação inadequada (frio?) ou ainda pH muito baixo (<2,5). O que pode ser feito é colocar um pouco de nutrientes no mosto (0,25 grama por litro) e dê uma chacoalhada no mosto para colocar algum oxigênio, corrija a temperatura de fermentação para dentro da faixa tolerada pela levedura e use uma solução tampão para corrigir o pH. Deve resolver.

 

Problema: Autolise ou Bouchonné

Sintomas: Hidromel saído da garrafa cheira estranho.

O que fazer: Quanto ao Bouchonné: é um tipo de fungo que normalmente infecta as garrafas depois de arrolhadas. Não é prejudicial a saúde e a alteração do aroma é mínima, normalmente apenas sommeliers notam, se não estiver muito intensa, então não se preocupe. Essa praga é causada por um problema de contaminação da rolha – o TCA – e não tem como ser evitado.
Quanto a autolise: amigo… eu vivo dizendo que a paciência é o principal ingrediente do hidromel, não digo? Então, isso é causado pelo fato de que o hidromel ficou tempo demais sobre a sua borra. As leveduras que ficaram sem nutrientes acabam devorando a si mesmas e isso libera aromas e sabores bem ruizinhos no mosto – tipo bandeijinha de carne de supermercado que você esqueceu fora da geladeira. Para a próxima tenha mais atenção as decantações e trasfegas.

 

Cor típica de oxidação.

Problema: Oxidação

Sintomas: Cor acastanhada, aroma de papelão molhado, castanhas.

O que fazer: Causado pelo contato do hidromel, após a fermentação, com oxigênio em demasia. O oxigênio oxida as moléculas de álcool e outros compostos e estraga seu hidromel. Se o problema for leve pode-se usar PVPP ou gelatina para clarificar já que ambos ajudam a diminuir o problema, se o problema for muito intenso então não tem muito o que fazer a não ser cuidar mais da próxima leva e evitar contatos com oxigênio, principalmente durante trasfegas e envase final.

Pessoal, claro que estes não são todos os problemas que podem ocorrer com a produção de hidromeis mas são com certeza os que acontecem mais frequentemente e sabendo lidar com eles vocês quase sempre terão sucesso em suas levas de hidromel.

Luis Felipe de Moraes – Pompeia Hidromeis.

Veja também:



Categorias:Hidromel

Tags:, , , , , , , , , ,

74 respostas

  1. o que acontece se eu botar muita levedura no meu hidromel?

    Curtir

    • Olá.

      Nada de mais, seu hidromel vai fermentar normalmente. O problema seria colocar menos que o recomentado pelo fabricante, pois você poderia ter uma fermentação não saudável e acabaria estressando suas leveduras e prejudicando o aroma e sabor finais. Abração!
      Luis Felipe – Meadmaker
      Pompeia Hidromeis

      Curtir

  2. Ola colega.. A dois meses atraz aproximadamente fiz minha primeira safra de hidromel.. Hoje fiz sua segunda trasfega e degustei um pouco.. O cheiro eh ate q agradavel, mais o sabor nao eh semelhante ao de hidromel.. Me parece dizendo a grosso modo q ele esta muito alcoolico ou forte.. Oq esta
    acontecendo com ele?? Eu posso mudar isso??

    Curtir

    • Olá!

      Parabens pela primeira tentativa!!

      Pela descrição parece que ocorreu oxidação do seu mosto, ou seja, entrou mais oxigênio do que devia, talvez durante as trasfegas. Se foi realmente isso não tem muito o que fazer a não ser torcer para que não seja demais e amacie com o tempo.

      Abraço,
      Luis Felipe de Moraes – Meadmaker
      Pompeia Hidromeis

      Curtir

  3. Ola Luiz.
    Dia 16/07dei inicio á minha primeira tentativa de produção do hidromel. Hoje dia 24/07 a fermentaçao esta bem lenta mesmo, e ja esta perdendo o aspecto turvo, queria saber se é normal isso, e quanto tempo no minimo uma fermentaçao deve ocorrer? Muito boa tuas instruçoes
    Obrigado Éder Peruchi

    Curtir

    • Boas Éder!

      Obrigado pelo elogio.

      O mosto fica mesmo turvo durante todo o processo de fermentação e demora normalmente para clarear. Isso faz parte do processo e as trasfegas servem para auxiliar essa limpeza.

      O tempo de fermentação é algo que vai variar sempre de leva para leva, fatores como: o mel, a temperatura, a cepa de levedura usada, nível de nutrientes, nível de acidez entre outros afetam o tempo de fermentação. Vamos dizer que “normalmente” a fermentação leva de 1 a 3 meses – Mas não é regra.

      Atenciosamente,
      Luis Felipe de Moraes

      Curtir

  4. Luiz, tenho lido seu blog com frequência e a cada dia aumentado meu interesse na produção desta maravilhosa bebida, mas para minha primeira experiência pretendo usar o fermento fleishmann conforme visto no seu vídeo sobre leveduras. A minha dúvida é quanto a quantidade deste para uma porção de 20 litros de água ? Parabéns pelos seus resultados, são muito animadores. Espero chegar ao mesmo nível com o tempo de prática.

    Curtir

    • Boas Marcio!

      Lembre-se, antes de tudo, que esse é um fermento que pode ser usado em um teste inicial, mas ele não é nem de longe o melhor para fermentar bebidas, ok?

      Quantidade, para um mosto de gravidade baixa (1.070) use 8 a 10 gramas

      Abraço,
      Luis Felipe

      Curtir

  5. Boa tarde!!!
    Fiz a minha primeira safra de hidromel, tudo correndo bem, esta na primeira semana, fermentação OK, queria saber qual é o tempo que preciso tirar o mosto do fundo do fermentador??

    Curtir

    • Não tem um tempo certo, vai ser após a fermentação primária dar sinais de ter terminado, aí você começa a produzir as trasfegas e sempre que tiver um pouco de borra acumulada no fundo do fermentação você faz nova trasfega.

      Curtir

  6. Opa, muito bom o tutorial, fiz minha primeira tentativa relativamente reduzida com base nos teus videos e 2 meses depois ainda tenho sinais de fermentação.
    Ja realizei 2 trasfegas mas acredito que tenha cometido varios erros durante todo o processo. (acontece né?! =p)
    enfim, o que eu gostaria de saber é se é possivel usar algum tipo de filtragem no processo de clareamente do hidromel ou devo fazer apenas usando a trasfega?
    PS: coloração muito escura pode significar algo?

    Curtir

    • Olá Bruno!!!

      Obrigado pelo elogio.

      Poder filtrar até pode mas recomendo só fazer em caso de necessidade extrema, pois a filtragem leva muito mais do que somento sujeira, acaba tirando um pouco da riqueza total da bebida.

      Cor escura pode significar que… você usou ingredientes escuros 🙂 ou que seu hidromel está oxidado 😦 Sente o aroma dele que você vai ter uma boa pista de qual opção se trata!

      Abraços,
      Luis Felipe

      Curtir

  7. Olá, não sei se você pode me ajudar com a sua experiência em bebidas fermentadas, eu produzi um pouco de vinho de laranja (receita simples suco de laranja natural + 1/3 de açucar) fiz 10 litros e deu tudo certo ficou muito bom, já até acabou e comecei a próxima safra, mas gostaria de entender algo que aconteceu, ele fermentou por 1 mês, fiz apenas uma trásfega e engarrafei, porém ele ficou meio ácido, com um gosto bem forte, e ao longo do tempo, conforme foi envelhecendo ele foi se tornando mais suave e melhor.

    Não sei o que realmente aconteceu e se se isso se dá também no caso do hidromel, conforme envelhece se altera o sabor.

    Rumo a produção de hidromel também

    Curtir

    • Olá Jeremias!

      É normal sim que durante o envelhecimento das bebidas mude o aroma e sabor da mesma. Os ingredientes passam por um processo de maturação e integração onde fica cada vez melhor!

      Abraço

      Curtir

      • Olá,

        Obrigado pela resposta e parabéns pela experiência, tenho visto bastante material seu, e será muito útil para mim começar a fazer hidromel, tenho bastante curiosidade sobre essa bebida tão famosa no mundo medieval, tanto em filmes como livros.

        Mais uma dúvida:
        Quanto tempo mais ou menos é necessário para envelhecer o hidromel?

        Desde já obrigado.

        Curtir

      • Boas Jeremias,

        O hidromel melhora muito com o tempo. O ideal seriam ao menos 6 meses de envelhecimento. Mas quanto mais melhor. Acima de um ano começa a ficar muito especial.

        Abraços

        Curtir

  8. Testei um pouco do meu hidromel e está deixando um gosto estranho na boca, alguma sugestão?

    Curtir

  9. Olá Felipe! Pode me dar uma dica?

    Bom, me interessei bastante no seu blog e resolvi fazer a primeira experiencia! 1,4kg de mel para 2,7 l de água! o fermento que usei foi o Fleischmann 10g ! Minha namorada colocou uva passa e laranja! só que a laranja que essa miserável colocou (auheahusehashuea) não estava doce kkkkkk . olha isso (fiquei sabendo hoje! ) . fiz um airlocker caseiro ^^ pq eu estava ansioso para fazer o melomel! bom, Fiz sábado a noite e já está fermentando de boa! algumas bolhas pequenas em todo o mostro! parece que esta fermentando certo, parece! agora uma coisa, nao vejo no airlocker caseiro fazer bolhas no outro lado da garrafa com água! parece que está vazando … coloquei umas fitas isolantes para tapar mas sinto o cheiro nela. cheiro de algo fermentando . enfim, para mim eu tapei direitinho o airlocker caseiro, mas caso não tenha feito isso só causará problemas de oxidação se entrar ar. pode vazar aos poucos só nao pode entrar. espero que nao entre. ou é melhor tentar hj a noite tapar o airlocker de vez com fita isolante ou algum outro material?

    Ah, tem bolinhas na superfície ! sempre fica assim ou intensifica? como devo saber mesmo se a fermentação esta ocorrendo de forma correta? ah, acho melhor tentar isolar o airlocker neh xD .

    Curtir

    • Boas Leonardo,

      Então vedação é sempre um desafio. Mas no seu caso você já viu que tem fermentação e isso é excelente. Por mais que esteja mal vedada, nessa fase é difícil ter problemas com oxidação pois o mosto está produzindo bastante CO2 e gera pressão de dentro para fora do fermentador (pressão positiva) o que não permite a entrada do oxigênio. Mas nem por isso vai chacoalhar o mosto, ok?

      Tenta usar plástico filme, desses de cozinha, para a vedação. Costumam dar excelentes resultados.

      Abraço,
      Luis Felipe

      Curtir

      • Opa Felipe! Estou sentindo que a fermentação está meio lenta! pensei que ia acelerar, só que parece estar reduzindo. Estou vendo umas espumas brancas cheias de microbolhinhas 😀 ficou ruim? uma espuma branca em algumas partes. e parece que a fermentação esta reduzindo.

        Tem ideia do que seja, ou é paranoia minha ^^

        Curtir

  10. Felipe, mais uma vez com muitas dúvidas apesar de ter sanado outras lendo suas excelentes informações e esclarecimentos.
    Tive uma primeira experiência com um “mel” falso, na ansiedade de produzir o hidromel comprei de um fornecedor e só depois me dei conta de fazer o teste com iodo.
    Tenho algumas dúvidas mas tentarei ser explícito, quero fazer um hidromel suave ou extra suave rsrsrs, tenho um LALVIN D-47 e outro EB 1118, posso usá-los? outra questão, começarei com 1090 e quando chegar entre 1030 ou 1040 paro e faço a trasfega ou necessariamente temos que aguardar o fim da fermentação?
    Grato pela sua preciosa ajuda

    Curtir

  11. Felipe, mais uma vez com muitas dúvidas apesar de ter sanado outras lendo suas excelentes informações e esclarecimentos.
    Tive uma primeira experiência com um “mel” falso, na ansiedade de produzir o hidromel comprei de um fornecedor e só depois me dei conta de fazer o teste com iodo.
    Tenho algumas dúvidas mas tentarei ser explícito, quero fazer um hidromel suave ou extra suave rsrsrs, tenho um LALVIN D-47 e outro EB 1118, posso usá-los? outra questão, começarei com 1090 e quando chegar entre 1030 ou 1040 paro e faço a trasfega ou necessariamente temos que aguardar o fim da fermentação?
    Grato pela sua preciosa ajuda

    Curtir

    • Boas Ildo,

      Que chato essa má experiência. Sobre a questão do hidromel suave acabei fazendo um post sobre isso hoje, pois essa dúvida é a mesma de muitos leitores. Espero que ajude. Qualquer dúvida fique a vontade.

      Luis Felipe

      Curtir

  12. Felipe, a fermentação reduziu em 80% (as bolhinhas) tem 1 semana e 2 dias fermentando! devo por mais fermento ? o que devo fazer? .

    Curtir

  13. Boa noite Felipe.
    Bom…primeiramente gostaria de agradecer e parabenizar pelo seu blog! Excelente as informações!!!
    Produzimos nosso primeiro hidromel no final de Outubro.
    Executamos todos os passos, porém ainda estamos um pouco preocupados.
    Utilizei o fermento Lalvin RC212(2pct./ 17lt.)
    OG: 1105
    22 dias após o início da fermentação, medimos novamente e a densidade apresentava 1082 apenas!
    Para este fermento o tempo de fermentação realmente é longo e demorado, ou há algum problema com a fermentação?!
    Existe alguma coisa que possa fazer para corrigir?!

    Muito obrigado.

    Ronaldo Batista

    Curtir

  14. Já fiz o meu hidromel e ao fim de 3 meses está muito saboroso.
    Só que está muito basso!!!
    É normal?
    O que faço para ficar mais transparente?

    Curtir

    • Boas Helder,

      Para clarificar precisa-se de tempo… espera decantar e sempre que tiver uma borra no fundo você trasfega para outro fermentador, isso várias vezes até estar completamente limpo. Ou então usa um agente clarificante como bentonita ou clara de ovos. Dá uma fuçada no blog que tenho artigos sobre isso!

      Abraços!

      Curtir

      • cara coloquei meu 1 JAOM pra fermenetar, 1 minuto apos ele ja começou a fermentação minha preocupação é que esta muito calor e não tenho como fazer ainda o controlador.
        e agora?

        Curtir

      • Bruno,

        Tenta deixar ele no canto mais fresco da casa. Porão seria uma boa. Mas olha, o JAOM é forte! Acredite nele!

        Curtir

  15. Olá!

    Primeiramente, gostaria de parabenizar e agradecer pelo seu trabalho muito bem feito.

    Tenho duas levas em fase de fermentação, que fiz da mesma forma porem com diferentes tipos de mel(adicionei cascas de maçã e fermento para pão). O problema é que a fermentação, em um deles, está bem mais lenta que a do outro, será que isto vai prejudicar meu hidromel?
    Obrigado,

    Abraços!

    Curtir

  16. Boa Tarde, estamos realizando nosso projeto de conclusão do curso de Química focado na produção de hidromel, mas estamos fazendo a comparação entre um hidromel feito com mel de abelhas e um com melado de cana de açúcar, você acha que o de melado pode dar certo, até porque o mel já começou a fermentar e o de melado não, a única coisa é que na garrafa de água dele surgiu varias bolinhas pequenas

    Curtir

  17. Muito obrigado pelas dicas Luiz!
    Só uma dúvida. Iniciei a fermentação do meu mosto ontem. E hoje a diferença na densidade já é de 1 Brix, 1124 (OG) pra 1120.

    Está fermentando à constantes 19°C.
    Usei 2 pacotes do Red Star Champagne para 45L de mosto.
    Esse nível de atenuação está normal ou baixo? Devo fazer alguma coisa?

    Já vi que muita gente tem dúvida quanto ao desempenho da fermentação. Se você tiver alguma tabela ou até mesmo seguindo suas anotações seria uma ótima publicação para o blog, que por sinal está excelente. Parabéns!

    Curtir

  18. Existe algum modo de Acelerar o processo de fermentação?, ouvi dizer que existe um nutriente que faz isso porem altera o sabor

    Curtir

    • Acelerar propriamente dito não. O que você pode fazer é dar as condições ideias para que sua levedura viva feliz. Levedura vivendo feliz vai trabalhar mais e produzir mais, ou seja, vai fermentar mais rápido e com qualidade. Então procura estudar tudo o que é relacionado ao condicionamento das leveduras: nutrientes, temperatura, oxigênio, nitrogênio, gravidade do mosto, como preparar starter (caso seja o caso)…

      Curtir

  19. N tem risco de desenvolver um produto toxico se a fermentação for mal feita?

    Curtir

    • Samuel, se você usou um fermentador de material inerte ou plástico de grau alimentício não tem problema. Raramente a fermentação desenvolve algum coisa nociva à saúde humana. Pode ficar desgraçado de ruim, mas não nocivo.

      Curtir

  20. Parabens pelo site! Me empolguei e resolvi fazer o Jaom, que fermentou por 3 semanas e agora parou a fermentaçao. Fiz exatamente como no vídeo… O que fazer?

    Curtir

  21. olá! gostaria de relatar um fato estranho e pedir por ajuda hahaha
    Faz uma semana que fechei o fermentador da minha primeira leva de hidromel,fiz com lalvin 71b e obtive 1110 de densidade, até hoje ele,não saiu nenhuma bolha pelo airlock (ou seja, no meu ver a fermentação não havia começado) então depois de 3 dias sem nada abri o fermentador e tinha a espuma tipica de fermentação formada e mesmo assim sem bolhas.
    Encomendei mais levedura e nutrientes, porem hoje decidi medir a densidade e para minha surpresa está em 1080! provei o ”hidromel” e pude sentir um levíssimo gosto de álcool ( e pequenas bolhas como de refrigerante no liquido). Não faço a minima ideia do que está ocorrendo pois o airlock não indica atividade e mesmo assim a densidade diminuiu (e formou um pouco de álcool) devo colocar mais levedura? oque faço? obrigado!

    Curtir

    • É, provavelmente, problema de vedação. Normal, o importante é a fermentação estar rolando, como tem pressão positiva sendo gerada (de dentro para fora) então a possibilidade de entrar algum agente contaminante é mínima. Mas refaça as vedações de qualquer maneira.

      Curtir

  22. Fiz meu primeiro hidromel utilizando informações de seus vídeos como base, utilizei levedura de cerveja por ser mais nutritiva e natural(10 à 12g em 5l), lacrei com um balão perfurado cobrindo uma tampa mau apertada do galão, mas no primeiro mes, surgiram caracteristicas que me pertubaram, como: uma espécie de meleca grudado no gargalo da garrafa acima do hidromel e uns fungos brancos boiando sob o hidromel, me preocupo de os fungos serem maléficos à saúde e gostaria de saber como resolver esse problema…poderia filtrar o hidromel com um pano passando para outro recipiente sem estraga-lo? Ou é comum e devo aguardar mais dois meses?

    Curtir

    • Olá Solon,

      O que você quer dizer com levedura mais nutritiva??? Você comprou levedo de cerveja em loja de produtos naturais??? Se foi isso tá explicada as “coisinhas brancas” flutuando no seu mosto. Isso é contaminação, ou desse levedo, QUE NÃO SERVE PARA SER USADO COMO LEVEDURA ou alguma falha na sanitização. Filtrar agora não resolve. Mas para tirar a dúvida, sente o aroma do seu mosto, se tiver algum cheiro extranho então é provável que tenha havido contaminação mesmo. Abraço.

      Curtir

  23. Olá, tive alguns problemas com a fermentação do meu 1º hidromel, utilizei 10 a 15g de levedura de cerveja numa proporção para 5L…após 1 mes começou a surgir um mofo/fungo(sei lá) na parte superior do recipiente e sobre o hidromel, um fungo branco que fica boiando…posso filtrar meu hidromel trocando de recipiente utilizando um pano? ou devo jogar fora?….(não ta fedendo e foi vedado com uma balão e uma tampa mal apertada).
    Obrigado pela atenção. 🙂

    Curtir

  24. Malz, PC bugou, não apareceu meu comentario anterior e mandei 2x rsrsrs…Obrigado pela informação…que pena, mas acho que vou tomar mesmo assim..tomara que não faça muito mal kkkkk

    Curtir

  25. Olá, primeiramente parabéns pelo seu site. Estou na minha primeira tentativa de hidrômel, fiz a seguinte receita, 680g de mel puro, agua mineral bonaf….. Até completar 2 litros. Estou fermentando na própria garrafa da água. 5g de fermento bio seco Dona Be….. Que possui o mesmo microorganismo. Do lavlel D-47.
    Minha dúvida e a seguinte, qual tempo de fermentação para 02 litros? minha cidade é quente, hoje fez 35 graus, devo alterar minha receita em proporções? Ha algo que faltou na receita?

    Curtir

    • Daniel,

      A levedura para pão e para bebida é da mesma família sim, mas não é a mesma e cada uma serve bem para sua destinação original apenas. 35 graus existe grande chance de geração off flavors. E sobre o tempo de fermentação, isso mão é dado pelo volume do mosto e sim pela Massa Específica do mesmo mais as condições de fermentação. Para isso precisamos controlar os aspectos de fermentação dele.

      Curtir

  26. Boa noite, estou com uma duvida, vi várias experiencias de hidromel e durante a fermentação notei que estão “espumando” durante a fermentação, o meu não está espumando como esses mas dá pra ver as bolhas (inclusive gravei um vídeo). Alguem sabe se é normal essa falta de bolhas ou se já aconteceu com alguem ou se fiz besteira.

    Curtir

  27. Meu hidromel (pouco mais de 1 semana) está “funcionando” mas não igual aos que vi na internet… o meu não tem espuma durante a fermentação mas está fermentando (inclusive tenho um video dele)… é normal?

    Curtir

  28. Ola, a 1 mês atrás fiz meu primeiro hidromel, mas sinto que algo deu errado, ele tem um cheiro forte de álcool e também da fermento, tirei uma prova dele e ele tem um gosto de “cerveja”, eu fiz algo errado ou estou sendo impaciente por causa que só passou 1 mês apenas?

    Curtir

    • Impaciência em primeiro lugar. Você ainda não limpou seu hidromel então o aroma de fermento é normal e o hidromel tende a se integrar melhor depois de um tempo atenuando acidez e álcool muito forte. Paciência é fundamental.

      Curtir

  29. Bom dia Luis Felipe,

    Fiz uma leva usando a “premier cuvee”, 1090 de Densidade inicial e depois da fermentação primária usei frutas de cajá-mirim (taperebá), antes de adicioná-lo, fervi em água. A fermentação esta praticamente estabilizada, experimentei uma dia destes e constatei que o sabor está bom, com exceção de um amargo intenso no final. O que pode ter acontecido? Como posso recuperá-lo?

    Curtir

    • Esse amargo pode ser muitas coisas. Apenas conhecendo todo o processo de produção poderia opinar sobre isso. Mas inicialmente, mergulhe um pedacinho de cobre ou prata dentro de um copo com esse hidromel se desaparecer o amargor e o cheiro ficar mais limpo ocorreu formação de mercaptanas no seu hidromel…

      Curtir

Trackbacks

  1. Minha fermentação parou! E agora? | Pompeia Hidroméis
  2. Off-flavors | Pompeia Hidroméis
  3. Dicas para o primeiro hidromel! | Pompeia Hidroméis
  4. Hidromel: Ajustes Pós-Fermentação – I | Pompeia Hidroméis
  5. Sur Lie ou Bâtonnage – Parte 1 | Pompeia Hidroméis
  6. Dicas para o primeiro hidromel! – Pompeia Hidroméis
  7. Receita de Hidromel Tradicional – Suave – Pompeia Hidroméis
  8. Receita de Hidromel Tradicional – Pompeia Hidroméis
  9. Receita hidromel tradicional meio-seco – Pompeia Hidroméis
  10. Receita de Hidromel – Metheglin de Noz Moscada – Pompeia Hidroméis
  11. Receita – Sack hidromel de frutas vermelhas – Pompeia Hidroméis
  12. Artigos atualizados – Pompeia Hidroméis

Deixe um comentário!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s